sábado, 19 de dezembro de 2009

HISTÓRIA - TERCEIRA FASE (1979 a 1983)

Equipe de Futebol de Salão do Juventus A.C. - 1979

Em pé: Telmo, Cezar, Renato, Chico Timm, Chico Faco, Eduíno, Chico Silveira, Edgar Massotti:
Agachados: Luis Giordani, Kika, Babá, Lica, Heinz, Talvani e Argemiro.

Em 1979, começa a terceira e nova fase do Juventus, Por iniciativa da Prefeitura Municipal de Santa Rosa, através do Prefeito Antônio Carlos Borges, juntamente com o Secretário de Desporto Volmir Joner da Silveira, foi consolidada uma parceria com o Juventus que perdurou até meados da década de 80. Desta parceria resultou no dia 06 de março de 1979, um pedido de filiação do Juventus na Federação Gaúcha de Futebol de Salão e o Alvará de Licença junto ao Conselho Regional de Desportos. No dia 13 de março é concedida esta licença sob nº 238/79. Neste período o Juventus foi dirigido pelo Presidente Sr. Volmir Joner da Silveira, funcionário público municipal, eleito em 20 de dezembro de 1978 e empossado em 15 de janeiro de 1979. Junto com Volmir, estavam os dirigentes: Luiz Cappellari (Comerciante),Valdir Dani (Funcionário Público), Valdir Ribeiro (Funcionário Público), Valdemar Zenni (Funcionário Público), Vilmar Harteminck (Funcionário Público), Evandir Prestes (Professor) Cláudio Klein (Funcionário Público), Edgar Massotti (Comerciante), Argemiro Kreibich (Comerciante), Clóvis José Cerutti (Radialista), José Carlos Benites (Professor) e Gerson Luiz Rodrigues (Comerciário). Para esta competição foi montada uma das melhores equipes do Estado, que por detalhe por mais de uma vez não chegou as finais. Em 1979, conseguiu o título de Campeão da Região Alto Uruguai, Campeão Região Alto Uruguai-Fronteira e 4º lugar no Estado. O plantel era composto por Renato Scalco, Walter Lorenz (Babá), Flávio Amilcar Zoehler (Chico Faco), João Francisco Timm (Chico Tim), Alcebíades Ernesto Moroni (Bide) , Luiz Antônio Giordani (Luizinho), Gilmar José Ost (Franja), Alfredo Domingos Moroni, Valdenir Pereira (Kika), César Ceratti, Heinz Lorenz, Willy Toni Lorenz , Talvani Oliveira de Abreu, Rui Moroni Argemiro Kreibich, Luiz Wilson Soares (Lica) e Adônis Álvaro Schmorantz, entre outros e dirigidos por Edgar Massotti e o saudoso Valdir Dani. O clube quando jogava em casa, fixava sempre, numa das laterais da quadra, uma faixa com os seguintes dizeres; “Eles passarão, nós passarinhos...”, como incentivo aos atletas e para o torcedor pegar junto com a equipe, transmitindo garra e determinação. O time também era chamado carinhosamente pelos torcedores de “Juventinho”. O Campeonato foi organizado por chaves nas seguintes regiões: Grande Porto Alegre, Centro, Planalto, Serra, Alto Uruguai (do Juventus), Fronteira e Litoral. Na etapa semifinal foram agrupados ainda Porto Alegre, Liga Pelotense, Liga Riograndina, Liga Caxiense e Liga Camaquense. No dia 14/04, às 21:30 horas, estréia na fase classificatória na cidade de Giruá, contra o Aliança, sendo derrotado por 2 x 0. No dia 21.04, estréia em casa jogando contra o Insetos de Horizontia, saindo vencedor pelo placar de 3 x 0. E, assim seguiram-se outros jogos, da Região Alto Uruguai 1º turno.
14.04 – Giruá 21 h. Aliança 2 x 0 Juventus
21.04 – Sta. Rosa 21 h Juventus 3 x 0 Isentos
28.04 – Sta. Rosa 21 h Juventus 7 x 0 Jabaculê
05.05 - Sta. Rosa 21 h Juventus 6 x 2 Afubebo
12.05 – T. Passos 21 h Minuano 2 x 4 Juventus
19.05 – Sta. Rosa 21 h Juventus 2 x 1 Tamoio
No 2º turno temos somente o carne, sem os resultados.
26.05 – Sta. Rosa 21 h Juventus x Aliança
02.06 – Horizontina 21 h Insetos x Juventus
09.06 – Tucunduva 21 h Jabaculê x Juventus
16.06 – T. de Maio 21 h Afubebo x Juventus
23.06 – St.a Rosa 21 h Juventus x Minuano
30.06 – Sto. Ângelo 21 h Tamoio x Juventus

Telmo, César, Renato, Chico Tim, Chico Faço, Eduíno, Chico Silveira, Edgar Massoti, Luis Giordani, Kika, Babá, Liça, Heinz, Talvani e Argemiro.

Classificação Final: 1º Juventus, 17 pontos; 2º Aliança, 15; 3º Tamoio, 15; 4º Minuano, 14; 5º Afubebo, 13; 6º Insetos, nove e 7º Jabaculê, zero pontos.

Fase Semi-Final – 1º Turno – Alto Uruguai Fronteira (Sómente o carne, não temos os resultados dos jogos)
14.07 – Itaqui 21 h C. do Comércio x Juventus
21.07 - Sta. Rosa 21 h Juventus x Aliança
28.07 – Alegrete 21 h Japur x Juventus
04.08 – Sta. Rosa 21 h Juventus x Uruguaianense
11.08 – Sto. Ângelo 21 h Tamoio x Juventus
Não temos os jogos e os resultados do 2º turno desta fase.

Etapa Final – Chave H – 1º turno.
29.09 – P. Fundo 21 h Cosmos 3 x 0 Juventus
06.10 – Sta. Rosa 21 h Juventus 1 x 0 Ipiranga FW
13.10 - Uruguaiana 21 h Uruguaianense 1 x1 Juventus
2º turno
20.10 - Sta. Rosa 21 h Juventus 2 x1 Cosmos
27.10 – F. Westphalen 21 h Ipiranga 3 x 1 Juventus
03.11 – Sta. Rosa 21 h Juventus 2 x 0 Uruguaianense
O Juventus sagrou-se campeão desta fase Alto Uruguai Fronteira.

Fase Finalíssima
10.11 – F. Westphalen 20:30 Ipiranga 1 x 2 Juventus
17.11 – Sta. Rosa 20:30 Juventus 0 x 1 Internacional
18.11 – Sta. Rosa 20:00 Juventus 1 x 2 Gondoleiros
24.11 – Sta. Rosa 21:00 Juventus 3 x 3 Ipiranga
02.12 – Sta. Rosa 21:00 Juventus 6 x 1 La Salle
07.12 – Rio Grande 22:00 Ipiranga 3 x 0 Juventus
08.12 – Osório 21:00 CR 19 4 x 1 Juventus
09.12 – P. Alegre 20:00 Internacional 1 x 0 Juventus
16.12 – Sta. Rosa 20:00 Juventus 2 x 1 CR 19
22.12 – Sta. Rosa 21:00 Juventus x Ipiranga RG.
29.12 – P. Alegre 21:00 Gondoleiros x Juventus
30.12 – Canoas 21:00 La Salle x Juventus

Algumas informações dão conta de que o Juventus ficou com a 3º colocação, e por isto, foi homenageado como destaque esportivo do ano em Santa Rosa.
Quanto a arbitragens descobrimos alguns nomes e valores pagos aos mesmos, junto a Notas de Despesas de Arbitragem da Federação Gaúcha de Futsal, em Santa Rosa.
No dia 21.04, no jogo Juventus 3 x 0 Insetos, apitou o Sr. Ademir Brun e recebeu Cr$ 750,00. No dia 05.05, no jogo Juventus 6 x 2 Afubebo o árbitro foi Élvio Ciechovicz, e levou Cr$ 750,00 pelo serviço. A partida do dia 19.05, entre Juventus 2 x 1 Tamoio, 0 árbitro também foi Élvio e levou a mesma quantia que o jogo anterior. O jogo do dia 26.05, Juventus x Aliança, foi apitado por Edegar Bender, que recebeu Cr$ 750,00. O jogo de 01.08, Juventus x Uruguaianense, a arbitragem foi da capital e levou Cr$ 1620,00, como também no dia 01.07, Juventus x Japur, a arbitragem foi de POA e levou o mesmo valor em dinheiro. No jogo do dia 15/07, contra o Tamoio a arbitragem de POA custou aos cofres do Juventus Cr$ 1.660,00. No dia 20.10 contra o Cosmos o clube pagou a quantia de Cr$ 2.300,00 pela arbitragem. E nos dois últimos jogos em casa desta fase, no dia 16.12 contra o CR 19, e dia 22.12 contra o Ipiranga RG. Ambos os jogos, foram pagos pela arbitragem Cr$ 3.350,00 por jogo.
Uma outra curiosidade que descobrimos, é que os atletas do Juventus não eram remunerados. Antecipadamente, recebiam uma convocação do clube, e estes se apresentavam espontaneamente para treinos e jogos, sem exigir qualquer retorno financeiro. Por vezes, alguns atletas arcavam suas próprias despesas.

Em 1980, no dia 26 de fevereiro, Volmir J. da Silveira reelegeu-se presidente, com posse no dia 12 de março, e com ele estavam Silvendino Evaldo Lehr (Comerciante), Vilmar Harteminck (Funcionário Público), Irineu Elias Donini (Funcionário Público), Nelci Dani (Advogado), Osvaldino dos Santos (Comerciante), Valdir Dani (Funcionário Público), Valdemar Zenni (Funcionário Público), Olivar Schmorantz (Contador), Salvador Moroni (Industriário), Edegar Massotti (Comerciante), Argemiro Kreibich (Comerciante) e Eduíno Lorenz (Funcionário SESC).
Esta mesma diretoria se reelege no dia 02 de fevereiro de 1981, para mais um período.
Para disputar o Campeonato Estadual, os atletas eram convocados oficialmente, conforme registro de convocação abaixo descrito, para inscrição do atleta junto a Federação.

####################

JUVENTUS ATLÉTICO CLUBE
Fundado em 12 de março de 1951
Santa Rosa – R. S.

CONVOCAÇÃO

O Conselho Municipal de Desportos – CMD, de Santa Rosa, convoca o atleta....................................................da equipe...........................................
Para participar como jogador do JUVENTUS ATLÉTICO CLUBE, defendendo suas cores no CAMPEONATO ESTADUAL DE FUTEBOL DE SALÃO – Edição 1980.
Outrossim, solicita sua confirmação até às 17 horas do dia 28 de fevereiro/80, no C.M.D., para fins de encaminhar sua inscrição junto à FEDERAÇÃO GAÚCHA DE FUTEBOL DE SALÃO.
Agradecendo desde já sua tenção dispensada a respeito, subscrevemo-nos.


Atenciosamente


Volmir Joner da Silveira Valdir Dani
Presidente C.M.D. Diretor de Futebol
Juventus A .C.
##################


Em 18.04.80, o Conselho Municipal de Desportos, assina um contrato com o Grêmio FBPA, para um jogo amistoso em Santa Rosa, contra o Juventus, no dia 31 de março. O contrato foi assinado pelo Dr. Nairo W. Motta, pelo Grêmio e Volmir J. da Silveira pelo Conselho Municipal de Desportos, contratante do jogo. Em folha timbrada do GRÊMIO FBPA, transcrevemos o contrato na íntegra, abaixo:




CONTRATO

Pelo presente instrumento particular de contrato que entre si fazem, de um lado o GRÊMIO FOOT BALL PORTO ALEGRENSE, NESTE ATO REPRESENTADO PELO Dr. Nairo W. Motta, diretor do Departamento de Esporte Amador, e de outro CONSELHO MUNICIPAL DE DESPORTOS, da cidade de Santa Rosa, neste Estado, representada pela Prefeitura Municipal, ficando juntos e contratados as seguintes cláusulas e condições:
• 1 – O GRÊMIO jogará com sua equipe principal de Futebol de Salão uma partida amistosa de Futebol, na cidade de Santa Rosa, no dia 22/03/80;
• 2 – O GRÊMIO receberá do CONSELHO MUNICIPAL DE DESPORTOS, a cota fixa de Cr$ 10.000,00 (DEZ MIL CRUZEIROS), livre de toda e qualquer despesa, seja a que título for, logo após o término da partida;
• 3 – Correrão por conta do CONSELHO MUNICIPAL DE DESPORTOS todas as despesas com o transporte da Delegação do Grêmio, para o trecho PORTO ALEGRE/SANTA ROSA /PORTO ALEGRE/, em ônibus especial a escolha do Grêmio;
• 4 - Correrão por conta do CONSELHO MUNICIPAL DE DESPORTOS, todas as despesas com hospedagem e alimentação da Delegação do Grêmio em hotel de primeira categoria durante o período que a mesma permanecer em Santa Rosa. A Delegação será composta de 18 pessoas e ao CONSELHO MUNICIPAL DE DESPORTOS caberá também o pagamento do jantar para a Delegação, na viagem de retorno e cujo valor fica estipulado em Cr$ 5.500,00 (CINCO MIL E QUINHENTOS CRUZEIROS);
• 5 – Correrão por conta do CONSELHO MUNICIPAL DE DESPORTOS todas as despesas com bordero da partida;
• 6 – De conformidade com o que determina o regulamento da Federação Gaúcha de Futebol de Salão, a realização deste jogo amistoso fica na dependência de autorização da entidade para a excursão do Grêmio à Santa Rosa.
Ficando, assim, juntos e contratados, assinam o presente contrato em 4 (QUATRO) vias de igual teor e forma.

Porto Alegre, 18 de março de 1980.


GRÊMIO FUTEBOL PORTO ALEGRENSE CONSELHO MUNICIPAL DE DESPORTOS
Dr. Nairo W. Motta Prefeitura Municipal

Embora não conseguindo apurar o placar deste jogo, conseguimos uma cópia da prestação de contas do jogo Juventus x Grêmio, do dia 22/03/80, assinada pelo tesoureiro do Juventus, Nelci Dani, encaminhada ao Conselho Municipal de Desportos, na íntegra, abaixo descrito:

PRESTAÇÃO DE CONTAS DO JOGO JUVENTUS X GRÊMIO PA


VENDA TOTAL DE INGRESSOS...............20.910,00
MOVIMENTO BRUTO DA COPA........ .... 4.805,00
VENDA 10 CARTÕES DE JANTAR............. 2.500,00

TOTAL GERAL DE ENTRADAS................28.215,00

PAGTO. GRÊMIO PA..................................15.000,00
PAGT. JANTAR............................................. 6.350,00
PAGTO. CERVEJA (3 CXS.). .......................... 966,00
PAGTO. VALTER TRINDADE....................... 600,00
PAGTO. COMISSÃO COPA............................ 900,00
PAGTO. VALDEMAR SANTANA.................. 320,00
PAGTO. HOTEL AVENIDA......................... 3.000,00
TOTAL GERAL DE SAÍDAS......... ......... 27.136,00
SALDO...........+ Cr$ 1.079,00
(Junto com a prestação de contas deste jogo do Grêmio, foi apresentado também a prestação de contas do jogo contra o Celeiro, como está descrito a seguir.)

PRESTAÇÃO DE CONTAS DO JOGO JUVENTUS AC X CELEIRO

VENDA DE INGRESSOS............................................................ 15.000,00
MOVIMENTO BRUTO DA COPA.............................................. 865,00

TOTAL GERAL DE ENTRADAS................................................ 2.900,00

PAGTO. JUÍZES JOGO CELEIRO............................................... 800,00
PAGTO. COMISSÃO S/COPA..................................................... 75,00

TOTAL GERAL DE SDAÍDAS.................................................... 875,00 SALDO................+ Cr$ 1.079,00

PELA PRESENTE PRESTAÇÃO DE CONTAS TEMOS UM SALDO POSITIVO DE Cr$ 3.104,00 (três mil e cento e quatro cruzeiros) , MAS DEVEMOS FRISAR QUE DESTA IMPORTÂNCIA AINDA FALTA FAZER O PAGAMENTO DAS BEBIDAS (REFRIGERANTES) DA COPA DOS DOIS JOGOS, MAIS PAGTO. DOS BARRIS DE CHOPP DO JANTAR.
SANTA ROSA, 31 de março de 1980.


No dia 10.04, o clube solicita o Alvará no Conselho Nacional de Desporto, o qual é concedido em 28.04. Não conseguimos mais dados estatísticos do ano de 1980.
No dia 06.05.81, a Federação informa ao Sr. Prefeito Municipal Antônio Carlos Borges, que fica concedido o patrocínio da finalíssima, para a primeira quinzena de dezembro, na cidade de Santa Rosa. Para isto, o Juventus solicita um patrocínio ao Banco Itaú no valor de Cr$ 53.634,00. Não conseguimos confirmar se houve ou não este patrocínio.
Alguns jogos e resultados do ano:
Chave H – 1º turno.
23.05 – T. Passos 21 h Agriplan x Juventus
30.05 – Sta. Rosa 21 h Juventus x Ajax
06.06 – Sta. Rosa 21 h Juventus x Afucesa
13.06 – T. Passos 21 h Minuano x Juventus
20.06 – Sta. Rosa 21 h Juventus x Botafogo S. Cristo

Chave 10 – 4 ª Fase – 1 º turno.
03.10 – Carazinho 21 h Sercesa x Juventus
10.10 – Sta. Rosa 21 h Juventus 1 x 0 Comapa
24.10 – Porto Alegre 21 h Gaúcho x Juventus

2º Turno.
31.10 – Sta. Rosa 21 h Juventus x Sercesa
07.11 – Caxias do Sul 21 h Comapa x Juventus
21.11 – Sta. Rosa 21 h Juventus x Gaúcho

Neste ano também participa na modalidade de Basquete do JIRGS – Jogos Intermunicipais do Rio Grande do Sul, sagrando-se Vice-Campeão Estadual, com um grupo de atletas formado por Renato, Everton, Rui, Salsicha, Ângelo, Dario, Jairo, André, Paulo, Jair, Rogério e César. No retorno à Santa Rosa, o grupo foi recebido com uma grande festa.

Nos dias 12 a 18 de dezembro de 1981, o Juventus foi sede das finais do 25º Campeonato Estadual, com jogos realizados no Ginásio Dom Bosco, em homenagem ao cinqüentenário do município de Santa Rosa. Embora não conseguindo boa classificação, no último jogo enfrentou o Grêmio, com o ginásio super lotado, o Juventus goleou o tricolor por 4 a 1, numa memorável noite para os juventinos. Os clubes que participaram da fase finalíssima em Santa Rosa foram além do Juventus, o La Salle de Canoas (Campeão), o Ipiranga de Rio Grande, Aliança de Esteio, Grêmio FBPA, Agrotap de Tapera e Sete de Setembro de Alegrete.

No dia 1º de fevereiro de 1982, novamente Volmir J. da Silveira reelege-se presidente, e é empossado no dia 05.02.82, e com ele assumem a diretoria Luiz Cappellari, Pedro Nestor Peroti, Irineu Donini, Vilmar Hartemink, Cláudio Klein, Valdir Dani, Alcides Vicini, Milton Witchack e Hermeto Parisi.
Em 03.05.1982, o Juventus filiou-se na Federação Gaúcha de Handebol, para disputar o campeonato estadual de handebol, nas Categorias Adulto Masculino, Adulto Feminino e Juvenil Masculino. Nos Adultos Masculino e Feminino o Juventus conquistou o 3º lugar no Estadual em ambas as categorias. Os atletas inscritos para disputar o Campeonato foram: na Categoria Adulta – Mauro André Ferrazza, Angelo Moroni, Alberto Rosa, Paulo Giovelli, Carlos Fernando Everling, César A. Dalbosco, Jairo Dezordi, Paulo André Gruber, Luís Fernando Rabuske, Édio Cumiotto, Jair Brun, André Luiz Scalco, Juares Nascimento, Reiner Patz, Jairo Panzanhagem, Rui Batista Martins, Rogério Mayer, Elton Heldt, Ademir Andres, Nery Czapla, Eduardo P. Alves Ramos, Luiz Carlos Canabarro e Dario Mallmann; na Categoria de Juvenil Masculino: Angelo Moroni, César Augusto Dalbosco, Luciano Edegar Rabuske, Paulo H. Giovelli, Roberto Sávio da Rosa, Alberto da Rosa, Paulo André Gruber, Jairo Dezordi, Álvaro Eidt, Mauro André Ferrazza, André Luiz scalco, Ademir Andres, Carlos Fernando Everling, Jamil M. Abdalla, Marcelo Kieling, Alexandre Moroni, Gustavo André Lenz, Elton Eidt e Marco Antônio Thomaz; na Categoria Feminino Adulto, foram inscritas atletas como Neusa Kempfer, Namir Strejevich, Sonja Brites, Sandra Schu, Liliane Campanaro, Deise Basanello, Maristela Maicá, Neusa Quadros, Vânia Schu, Lenir Maronesi, Cléia Rigon Dorneles, Rosemery Ceratti, Blanca M. S. Brites, Nilse Barichello, Roseli F. S. Nunes, Tânia M.Schmitz, Iolanda Weiss, Marisa Weber, Alaídes Volkweis, Adriane Parise, Marilê Goetz, Márcia Bernardi, Cláudia Marmitz, Rosangela Diehl, Vanda Machado, Mariluci Joner, Vera Lúcia Blume. O técnico era o Professor Júlio Andreazza, tendo como Auxiliar Lenir Maronesi e Massagista Adair Debona.
As equipes que participaram do campeonato foram: ADUFSM de Santa Maria, Recreio da Juventude de Caxias do Sul, Soc. Rec. Ipiranga de São Leopoldo, além do Juventus. Na categoria masculina adulta, os juventinos jogaram seis vezes, sendo que obtiveram 2 vitórias e 4 derrotas, totalizando 4 pontos, marcando 121 gols a favor, e 152 gols contra. No Feminino Adulto, participaram os clubes Ipiranga, ADUFSM, Recreio da Juventude e C. A Tiarajú. O Juventus jogou 8 vezes, totalizaram 7 pontos, marcando 57 gols a favor e sofrido 69 gols.
Resultado final do Campeonato Estadual de Handebol:
Masculino:
________________________________________________________________________
Classificação Jogos Vitórias Empates Derrotas Pontos GP GC Saldo
1º ADUFSM 06 06 00 00 12 206 86 120
2º Rec. Juventude 06 03 00 03 06 117 150 -33
3º JUVENTUS 06 02 00 04 04 121 152 -31
4º S.E.Ipiranga 06 01 00 05 02 112 168 -56

Feminino:
Classificação Jogos Vitórias Empates Derrotas Pontos GP GC Saldo
1º S. E. Ipiranga 08 07 01 00 15 103 55 48
2º ADUFSM 08 05 02 01 12 86 54 32
3º JUVENTUS 08 03 01 04 07 57 69 -12
4º Rec. Juventude 08 02 00 06 04 75 89 -14
5º C. ª Tiarajú 08 01 00 07 02 47 101 -54

Estes campeonatos foram realizados em dois turnos, sendo o primeiro na cidade de Ijuí, nos dias 22 e 23 de maio e o segundo na cidade de São Leopoldo, nos dias 19 e 20 de junho de 1982.
A equipe juvenil masculina disputou jogos no campeonato com os seguintes clubes: Coríntians A.C. de Santa Maria, Recreio da Juventude de Caxias do Sul, S. R. Ipiranga de São Leopoldo, C. A. Camaquense de Camaquã, Associação Desportiva Universitária Federal de Santa Maria, e Cachoeira F. C. de Cachoeira do Sul.
Neste mesmo ano de 1982, o Juventus filia-se na Federação Gaúcha de Ciclismo e Motociclismo, para disputar o Campeonato estadual de Motocross e organizar uma prova oficial do certame, em Santa Rosa. Neste ano os pilotos de motocross, Silmar Euclides Hegele e Paulo Roberto Hegele, a nível estadual, representando o Juventus, conquistaram o 3º e 4º lugar respectivamente. As provas da 9ª etapa do Campeonato Estadual, realizadas em Santa Rosa, tiveram como local a pista de motocross do Parque Municipal de Exposições no dia 18.07.82, nas modalidades de PC, POC e Estreantes e Novatos.
No ano de 1983, comandados novamente pelo presidente Volmir Joner da Silveira e sua equipe, o Juventus chega as finais do estadual de futebol de salão, com sedes nas cidades de Ijuí e santo Ângelo. Com Argemiro Kreibich como técnico, o Juventus sagrou-se campeão da 1º fase em Ijuí, após derrotar o poderoso time da Caixa Estadual, que era base da Seleção Brasileira, por 2 x 0 gols de Alfredo Moroni. Na fase seguinte, a finalíssima o Juventus ficou em 3º lugar no Estadual de 1983, derrotando o Grêmio de Porto Alegre. Na chave de Ijuí estavam o Juventus, Cacique de Ijuí, Gondoleiros e Caixa estadual. Na chave de Santo Ângelo, o Grêmio, Rodial de Lagoa Vermelha, Olímpia de santo Ângelo e AGS de Soledade.
Os jogos:
07.12 – Caixa 0 x 2 Juventus (gols de Alfredo Moroni) Grêmio 3 x 0 AGS
Gondoleiro 1 x 1 Cacique Olímpia 1 x 0 Rodial
08.12 – Juventus 1 x 1 Cacique Grêmio 1 x 0 Rodial
Caixa Estadual 1 x 0 Gondoleiros Olímpia 4 x 0 AGS
09.12 – Juventus 2 x 1 Gondoleiros AGS 0 x 5 Rodial
Caixa estadual 2 x 0 Cacique Grêmio 1 x 1 Olímpia
Classificação:
1º Juventus 5 pontos 1º Grêmio 6 pontos
2º Caixa Estadual 4 pontos 2º Olímpia 4 pontos
3º Cacique 2 pontos 3º Rodial 3 pontos
4º Gondoleiros 1 pontos 4º AGS 0 pontos

10.12 – Juventus 1 x 2 Olímpia (derrota na prorrogação por morte súbita)
Grêmio 1 x 2 Caixa Estadual
3º Lugar Grêmio 1 x 3 Juventus
1º Lugar Caixa Estadual x Olímpia – Campeão Caixa Estadual. A equipe principal da Caixa era composta por Barata; Cocão, Pauletti, Zé Luís e Giovani.
No Grêmio destacavam-se atletas como Mauro, Dante, Morruga, Rossato e no Gondoleiros Luiz Fernando, Tito e Paulinho Sarará.
De 1979 a 1983 foi uma grande fase do Juventus.
Em 1984 o grupo de atletas principal transfere-se para a S.E. Concórdia para as disputas oficiais. Permaneceram no Juventus atletas jovens para disputar o campeonato estadual. Mesmo assim, os jovens atletas do Juventus mostraram muita garra e determinação e venceram o primeiro confronto com os experientes atletas do Concórdia.
Com o fim da parceria, o Juventus desvinculou-se de todas as federações em que estava filiado, encerrando suas atividades.
Em 1986, o jovem atleta João Batista Moroni, que vestiu a camiseta do Juventus, é convocado para a seleção brasileira juvenil de Futebol de Salão e viaja a Porto Alegre para se apresentar. Com ele viaja também sua noiva. Da rodoviária tomaram um táxi para o destino, quando houve uma colisão com um ônibus numa cruzada de ruas, onde ambos foram vitimados no acidente. O povo de Santa Rosa consternado pelo infausto acontecimento rendeu-lhe homenagem póstuma, através de um ato da Câmara de Vereadores, dando o seu nome para o Ginásio de Esportes da Praça da Independência, como Ginásio João Batista Moroni.
Com o licenciamento em 1984, o Juventus ficou um período sem atividades, de 1984 a 1996.

Nenhum comentário:

Postar um comentário