sexta-feira, 30 de agosto de 2013

Por Onde Anda?


SANTO BASTOS

Nasci em Santa Rosa, sou filho de Jovino Bastos e Senhorinha Alves Bastos. Casei com Eva Machado Bastos e temos sete filhos, quatro netos e u bisneto. Tenho estudado até a quinta série do primário.
Quanto a minha infância posso dizer que foi muito sofrida, em função da separação de meus pais e por levar uma vida muito atribulada na roça.
Como atleta de futebol, inicie jogando no Ipiranga da Vila Sulina, depois fui para o Sepé Tiarajú. Mais tarde, fui jogar no time do Frigorífico Santarrosense. Não tive nenhuma atividade ligada a um clube como dirigente ou treinador.
Torço pelo Internacional de Porto Alegre, como clube do meu coração.
Na atualidade sou microempresário. 


Santo integrou a equipe do Sepé Tiaraju, que no ano de 1960, quebrou a hegemonia do E. C.Aliança, vencendo o campeonado citadino daquele ano.  Jogava como lateral esquerdo e meia esquerda e foi de grande valia para a dita conquista.  


Foto tirada no Estádio Carlos Denardin, acredito do ano de 1962 ou 1963. Em pé da esquerda para a direita: Uca, Sergio Weremchuk, Jorge, Joãozinho, Iba, Engo Medeiros, Professor Toledo(técnico). Agachados: Alceu Medeiros, Waldemar, Montenegro, Tita, Santo e (?). Esta foto nos foi enviada pelo próprio Santo.

Colaboração de João Jayme Araujo/POA e Raul Meneguini/SRO.

quinta-feira, 29 de agosto de 2013

Últimas notícias


Intercâmbio I 
Juventus fecha parceria com o Avaí F.C. Aguardem! Em setembro Diretor das categorias de Base do Avaí vem a Santa Rosa realizar teste com atletas do Juventus e da região. Maiores informações pelo fone: 9964-2287.  (gazetaesportivo.blogspot.com.br )

Intercâmbio II
O Juventus Atlético Clube realiza um trabalho excelente em suas categorias de base. São mais de 200 meninos que frequentam diariamente o Estádio Municipal Carlos Denardin. Eles, alunos e professores, desenvolvem atividades praticamente profissionais. É um projeto amplo e longo, porém, os frutos já são colhidos agora.
Aproximadamente dez meninos estão arrumando as malas para viajar a Porto Alegre, aonde realizarão testes no Sport Clube Internacional, através de parceria com o Juventus Atlético Clube. Bom para todos, jogadores, famílias, treinadores e Clube. (jornalnoroeste.com.br)

sexta-feira, 23 de agosto de 2013

POR ONDE ANDA?




FRANCISCO BARBOSA QUEIROZ (CHICO)

Nasci em São Luiz Gonzaga (RS) em – 10 de fevereiro de  1931. Filho de Cyro Queiroz e Elvira Barbosa Queiroz. Conhecido como Chico. Sou casado com Magaly Vieira Queiroz e temos três  filhos e quatro netos. Sou advogado.
Vivi a minha infância em São Luiz Gonzaga entre  anos de 1931 a 1942, jogando futebol, reunião com amigos e pescaria com os sobrinhos.
Minha vida esportiva iniciou no Roque Gonzáles de  São Luiz Gonzaga (adversário ferrenho do Ipiranga) , jogando futebol  no União dos Onze, Internacional e Cruzeiro; Cruzeiro de São Borja e Paladino de Santa Rosa, Intercolegial  no Colégio das Dores e EPPA.  Bancários (São Borja, Santa Rosa, São Luiz Gonzaga, Rosário do Sul e Santana do Livramento}
Também, joguei vôlei nas equipes estudantes em São Luiz Gonzaga, Colégio das 
Dores e EPPA. Disputei atletismo pela EPPA 100/800 metros  e salto em distância.
Melhores recordações forma no  Roque Gonzáles, no União dos Onze, no Paladino e Bancários de Santa Rosa.
Exerci atividades no SENAI, Banco do Brasil (onde me aposentei) - Banco 
Meridional do Brasil.
Continuo ligado as atividade com o esporte. Sou Conselheiro Benemérito  do S. C. INTERNACIONAL de Porto Alegre.
Fui cônsul ou representante do SC Internacional de Porto Alegre em Santa Rosa, São Luiz Gonzaga, Rosário do Sul, Santo Antonio da Patrulha, Livramento e Milão (Itália).
Diretor de finanças do SC Internacional em 1978 e 1979(tri-campeão invicto). Membro do Conselho Fiscal em 1997/98 e Presidente do Conselho Fiscal em 1999 2000. 
Conselheiro Benemérito com acentos no Conselho Deliberativo e Conselho Consultivo, ambos vitalícios.
Atualmente executo as funções junto aos Conselhos Deliberativos e Consultivos do Internacional e atendimento à família e amigos.

Paladino F.C. - Presidente Avelino Lavarda, Benito, Lothar, Juarez, Alvírio, Décinho, Nestor, Neri, Joel, Júlio e Wilson Codinotti(Treinador). Agachados: (?), Cabeça, Caio, Chico Queiroz, Charles, Mauro, Luiz Cappellari e Luiz Floriano Meneghel.

Bancários de Rosário do Sul. Chico Queiroz é o penúltimo agachado.

Colaboração de João Jayme Araujo/POA.

segunda-feira, 19 de agosto de 2013

Categoria de Base


Rodada ruim para o Juventus no final de semana.


Jogando em Júlio de Castilhos, no Estádio  Municipal  Miguel Weihrich Filho, pelo campeonato estadual SULIGAFI, o Juventus não obteve bons resultados frente ao Macléres, no ultimo sábado, 17.
A Categoria 1999 entrou em campo às 15h30min e obteve um empate em dois tentos.

Já a Categoria 2001, que havia entrado em campo às 14 horas, não foi feliz e foi derrotada pelo placar de dois tentos a um.

Foto:gazetaesportivo
 

sexta-feira, 16 de agosto de 2013

Por Onde Anda?

ELÓI VICENTE PEREIRA
(Taquariano)


Sou natural de Santa Rosa/RS, filho de VICENTE MANOEL PEREIRA  e de BLONDINA PEREIRA. Sou conhecido pelo apelido Taquariano.
Casado com ANELI CERVO PEREIRA, temos 03 filhos (Gerson Luiz, Miguel Vicente e Jamur Eloi: sete netos,  Marcelo, Pedro, Tomás, Morissa, Juliana, Débora e Eduarda e dois bisnetos: Frederico e Amanda.
Minha formação profissional é Técnico em Contabilidade a nível de 2º Grau..
Tive uma infância sem sobressaltos, normal. Estudei no Colégio Santa Rosa de Lima, onde iniciei no futebol jogando no time dos Irmãos Maristas de nome Cariris F. C.
Joguei no E. C. Aliança de Santa Rosa, RS, e, no Gaúcho F. C. de Tucunduva/RS. Lembro com saudades dos tempos em que joguei pelo E. C. Aliança de Santa Rosa/RS., e no Gaúcho F. C., de Tucunduva/RS. Não esqueço o fato de que o meu pai, juntamente com o meu tio Elias (pai do meu primo Walter Pereira Oliveira que foi, na década de 60, o lateral direito do E. C. Aliança), sempre estavam juntos e presentes aos jogos em que participava ou que juntos participávamos.

Joguei no E. C. Aliança de Santa Rosa/RS, no período de 1957 até 1963. Era o ponta-direita, onde fui campeão citadino nos anos de 1957, 1958, 1959 e 1963.  Em 1959, fui campeão estadual de amadores, serie amarela. Tinha como característica de jogo o chute potente e as cruzadas de bola para os atacantes de área concluir em gol. Integrei o ataque do E. C. Aliança, quando do apogeu da dupla Penicilina (centro-avante) e  Alceu Mallmann (meia-esquerda). 

Em 1964, já residindo na cidade de Tucunduva/RS., ( onde  resido até hoje),  participei, como jogador e treinador, no elenco do Gaúcho F. C.  daquela cidade, ajudando na conquista de um tri-campeonato estadual de amadores, série amarela. Sou torcedor do E. C. Internacional de Porto Alegre.
Quanto a vida profissional, exerci a função de Agente Fiscal do Tesouro do Estado do RGS, hoje aposentado.
Sou apaixonado por futebol, porém, impossibilitado de jogar por problemas físicos (ruptura dos ligamentos do joelho da perna direita) fato que me fez optar pelo bolão, onde disputo até hoje  e tendo já conquistado três títulos estaduais).
Exerci a função de treinador por três meses na Associação Santa Rosa de Esportes- ASRE, de Santa Rosa, e por cinco anos fui treinador do Gaúcho F. C., da cidade de Tucunduva.

Aposentado, vou levando a minha vida, residindo na cidade de Tucunduva, e, como entretenimento e lazer, faço caçadas e pescarias, tendo como locais os rios e matas que circundam a Barra do Quaraí (Vide fotos). Continuo apaixonado pelo futebol assistindo diariamente pela TV por no mínimo três  horas.  Ainda pratico, no esporte amador, o bolão. Tenho muitas histórias para contar, quer no âmbito do futebol, quer em pescarias e caçadas (nessas na grande maioria verdadeiras).



Colaboração de João Jayme Araujo/POA e Raul Meneguini/SRO

segunda-feira, 12 de agosto de 2013

Base


Atleta formado na base do Juventus é destaque no Figueirense.

Formado nas categorias de base do Juventus Atlético Clube, Henrique das Neves Maganha, 13 anos, foi descoberto este ano pelo Figueirense durante um torneio de futebol disputado na cidade gaúcha de Teutônia. Na ocasião ele jogou e foi campeão pelo Canavieira, de Palhoça, SC. Pelo belíssimo futebol apresentado, inclusive com gol marcado na decisão, Henrique foi avaliado e chamado por representantes do Figueirense.
Desde os sete anos participando das escolinhas de futebol do Juventus, onde foi vice campeão estadual, o ex-aluno da Escola Municipal Santa Rita, se apresentou em Florianópolis no dia 1º de julho. "Ele é um meia atacante que bate bem com os dois pés, além de dar ótimas assistências", revelou o avô, o conhecido e popular Nego Bem. Henrique é filho de Marcelo e Cátia das Neves Maganha.
Fonte: jornalnoroeste.com.br 

Obs: Nego Bem foi goleiro do Dínamo FC quando ainda disputava o amadorismo. Em 1998, juntamente com Luis Fernando Dresch, Nego Bem, como é conhecido no mundo desportivo, foi Campeão Estadual com o Juventus na Categoria Juniores Segunda Divisão, como treinador.

sexta-feira, 9 de agosto de 2013

Por Onde Anda?

JÚLIO MUSSI DE ANDRADE


Nasci em Dom Pedrito/RS., em 13 de fevereiro de 1934, mas me considero Santarosense, pois morei em Santa Rosa de 1950 até 1959.
No mundo do futebol era conhecido por Júlio, goleiro do Paladino FC. Filho de Lorival Fernandes de Andrade e Ermelinda Mussi de Andrade. Casamento em 26 de Janeiro de 1961 com Shirlei Motta de Andrade. Dois filhos: Julio César Motta de Andrade e Sandra Helena Motta de Andrade Sperotto. Quatro netos: Evandro Andrade Sperotto, Guilherme Stürmer Andrade, Giana Andrade Sperotto e Thaís Stürmer Andrade. Minha formação é Segundo Grau em Contabilidade. Trabalhei por 32 anos no Banrisul, em diversas cidades do estado. Aposentei-me em Porto Alegre em 1984.
Toda minha adolescência foi em Santa Rosa, terra do coração. Estudei no Colégio Machado de Assis. O que mais gostava de lá, eram os amigos. O Pessegueiro era onde jogávamos futebol com os amigos da época e os Bailes no Clube Cultural.

Participei como goleiro, da inauguração do Estádio Carlos Denardin.  De 1951 a 1959, joguei como goleiro do time Paladino, onde ganhamos diversos campeonatos, disputados principalmente contra o Juventus AC e o EC Aliança. Em 1959, fui transferido para morar em Irai/RS., onde joguei no Juventude, por curto espaço de tempo.
Hoje, moro em Porto Alegre e torço pelo Sport Club Internacional, o qual após  aposentadoria colaborei com a Direção.

Foto 01 – Júlio Mussi de Andrade e esposa Shirlei Motta de Andrade.

Foto 02 – Equipe do Paladino em jogo oficial em 1953, quando venceu o Juventus por 3 a 1, no Estádio do Pessegueiro: Décio, Nique, Júlio, Ernani, Nino e Napoleão. Charles, Nolly, Lauro, Paulo Terra e Carlinhos.

Colaboração de João Jayme Araujo/POA.

quinta-feira, 8 de agosto de 2013

Histórias do Futsal

SOS fez história no futsal na década dos anos 1970.



O SOS, uma equipe formada por jovens talentosos no denominado na época de futebol de salão, competia de igual para igual nos campeonatos municipais com as melhores equipes da cidade, entre elas o LOSCA.
Com a ajuda do Vereador Nelci Dani,que participava do grupo, fizemos o reconhecimento dos atleta da foto acima. Também, nosso colaborador Milton H. Schwerz, nos auxiliou na identificação dos atletas. Aliás, Milton jogou em vários clubes amadores e profissionais, tanto no futebol de campo como no futsal. Possui um vasto currículo dedicado ao futebol.
Alguns destes atletas como  Kika se destacou na equipe do Juventus no final da década dos anos 1970 e nos anos 1980. Chico Cappellari também era um jogador técnico, além do futsal jogou em vários clubes no futebol amador e profissional do Rio Grande do Sul. Nelci Dani, que hoje é vereador na quarta legislatura, atuou no futebol de campo no Paladino FC.

BANMERCIO  - BANCO NACIONAL DO COMÉRCIO - SANTA ROSA
 (Fotos abaixo)




        GERMANO DOCKORN S.A. - GEDOSA
(Acima)

FEMA - FUNDAÇÃO EDUCACIONAL MACHADO DE ASSIS
(Abaixo)

  

 







 FERRAGENS MISSIONEIRA - FERRAMIS

segunda-feira, 5 de agosto de 2013

Base

Não houve jogos  pelo Estadual Suligafi no final de semana.


As equipes da categorias de base do Juventus  não entraram em campo no final de semana pelo Campeonato Estadual Suligafi. O carnê  marcava confrontos em Santa Rosa contra a SER Caxias e em Erechim contra o Ypyranga.
No sábado a tarde, 03, a SER Caxias não se apresentou no  Estádio Municipal Carlos Denardin para o compromisso da rodada, e o Juventus, nas categorias 1999 e 2001, venceu por WO.

Já, no domingo, a rodada marcada para Erechim, nas categorias 1998 e 2000, foi transferida em função da chuva que deixou o gramado do Colosso da Lagoa impraticável para o futebol.


Está no site da SULIGAFI:

 Últimos resultados:

- Cat 2001 - 03/08/2013 - Sábado - 14:00 - JUVENTUS A. C. 2 x 0 S.E.R CAXIAS DO SUL  

- Cat 1999 - 03/08/2013 - Sábado - 14:00 - JUVENTUS A. C. 2 x 0 S.E.R CAXIAS DO SUL

sexta-feira, 2 de agosto de 2013

Por onde anda?

LOURIVAL MUSSI DE ANDRADE


Lourival Mussi de Andrade nasceu em Dom Pedrito/RS. Filho de Lourival Fernandes de Andrade e Ermelinda Mussi de Andrade. Veio para Santa Rosa, acompanhando a família, por motivos profissionais de seu pai. Casou com Edila Maschio e tem três filhos, seis netos e um bisneto. D sua infância o que mais lembra é da Negra Maria. De formação ginasial, trabalhou profissionalmente por muitos anos na OLVEBRA – Óleos Vegetais Brasileiros AS, com sede em Santa Rosa, onde se aposentou.
Por amigos foi levado ao Juventus em 1954. Permaneceu pouco tempo e já em 1955, por influencia da família, foi para o Paladino. Jogava nas duas laterais e não tinha preferência por uma delas.
Em conversa com Cabeção nos relatou: ajudei na  primeira marcação do Estádio Carlos Denardin e  foi muito difícil enquadrar o campo. Salienta ainda que Avelino Lavarda foi a pessoa que mais trabalhou para que o novo estádio se concretizasse. Foi graças a ele que a obra hoje existe.
Conta ainda, que o Dr. Antonio Leitchuk foi centro médio e  o melhor jogador juventino na época. Como cursava medicina em Porto Alegre, o Presidente Severino Grecchi, pagava passagem aérea, via VARIG, para jogar pelo Juventus em Santa Rosa.Lourival também é um mestre na arte da culinária. Há algum tempo, fez uma galinhada para os amigos, na nossa companhia e do Raul Meneguini, num daqueles encontros de amigos para conversar sobre muitas coisas, mas principalmente o  futebol.
Hoje Lourival, aposentado, continua residindo em Santa Rosa.

Foto 01 - Lourival Mussi de Andrade
Foto 02 - Em 1955 vestindo a camisa do Paladino FC e e em 1954 do Juventus AC 

Colaboração de João Jayme Araujo/POA.

quinta-feira, 1 de agosto de 2013

Categorias de Base

Campeonato Estadual SULIGAFI


O Juventus estará em campo neste final de semana, sábado e domingo, com suas categorias de base.
No sábado, 03, as categorias 1999 e 2001 enfrentam a SER Caxias do Sul no Estádio Carlos Denardin. A categoria 1999 ainda não venceu na competição.

Na estreia empatou em casa com o São Borja, de Canoas, em um tento, e depois jogando em Arroio do Meio, foi goleado por 4 x 0 pelo Prata da Casa. O grupo está motivado para a reabilitação no campeonato. Já  a categoria 2001obteve dois empates em dois jogos: zero a zero e um a um.

No domingo, 05, as categorias 1998 e 2000 se deslocarão a Erechim onde enfrentará o Ypiranga, no Estádio Colosso da Lagoa.

A categoria 1998 disputou três partidas.  Venceu a  primeira, jogando contra o Ipiranga em Sarandi pelo placar de 2 a 0;  na segunda, jogando em casa , ficou no um a um com o Macléres, de Júlio de Castilhos e por último, passou pelo Cometa, de Panambi, pelo placar de  2 x 0.