sexta-feira, 5 de janeiro de 2018

Futebol Amador

E. C. ÁGUIA NEGRA
BAIRRO PLANALTO

CAMPEÃO MUNICIPAL DE 1985
 CATEGORIA PRINCIPAL 

O jogo  da história do clube planaltense aconteceu em  1985.  E foi decisivo, disputado no Carlos Denardin, com o Palmeiras da Vila Glória. Duas escolas de prática do futebol diferentes. O Palmeiras, a cada campeonato, monta grandes equipes, pelo qual se destaca pela técnica e em consequencia tornou-se com o tempo o papador de títulos. Já o Águia Negra, com menos tradição em decisões, chegou de mansinho deixando o favoritismo evidente para os alvi-verdes. Os planaltenses, entraram no gramado imbuídos, de conquistarem o título. Associados a garra e a determinação dos atletas, aliado a presença maciça de sua torcida, surpreendeu o bom time do Palmeiras. Jogando um futebol buscando o resultado, através de contra ataques. Numa das estocadas mortais,  Toninho, numa grande jogada, alça a bola para a área até encontrar o companheiro Faia, que com precisão abriu o placar. Isso tudo, aconteceu, aos 15 minutos da segunda etapa. A partir de então, a equipe planaltense, bem orientada, jogou para segurar o resultado, o que lhe garantiria o título. E, foi o que aconteceu. Pela vez primeira o Águia Negra conquista o Campeonato Municipal de de Santa Rosa.




A festa do título

Em 1985, participaram do campeonato as seguintes agremiações: 
Bairro Cruzeiro: Expresso Toda Hora , EC Cruzeiro do Sul  e Academia Jovem;
Centro: AFUCO (Associação dos Funcionários da COTRIROSA) , Grêmio Scalco , Grêmio Santa-rosense, UBSS (União Beneficente dos Sargentos e Subtenentes do 19°RCMec);
Campo da Aviação: EC Flor da Serra;
Vila Vicente Cardoso: Associação Atlética .Real;
Bairro Planalto: Águia Negra;  
Lajeado Reginaldo: EC Farroupilha;  
Rincão dos Rolim: EC Noroeste;
Bairro Glória: Palmeiras FC 
Vila Oliveira: EC Real Madrid; 
Bairro Sulina: SE Ipiranga e EC Cruzeiro.

Grupo com a faixa de campeão de 1985


                                             As fotos cedidas são do arquivo de  Gilberto Giovani Espíndola