quinta-feira, 3 de março de 2011

Milan

Mau resultado. Juventus empate em casa.

Jogando melhor que o adversário, mas com muitos erros de finalização, o Juventus conseguiu apenas um empate em 1 a 1 na noite de quarta-feira(02/03), no Estádio Carlos Denardin. O Milan veio com o propósito de empatar e desde o inicio armou uma retranca, apenas explorando os contra ataques esporadicamente. Na pressão do Juventus, aos 30minh o ponta Pito foi derrubado na área e o árbitro marca pênalti. Alex Lima (M) recebe o amarelo pela falta. Aldair bate mal, o goleiro Manga agarra firme a bola. Desperdiçada a grande chance de abrir o placar.

No intervalo Gelson Conte faz sua primeira substituição pela lesão de Sergio Luiz, entrando Fábio. Aos 25min., num rápido contra ataque, Roni abre o marcador para o Milan. O Juventus, em casa, não podia tomar outra atitude. Foi a o ataque e desperdiçou várias chances de gol, até que aos 35min, Giliardi cobra falta, a bola é desviada na cabeça do zagueiro do Milan e entra no gol de Manga. Era o empate. A partir de então o Juventus foi pressão total, com várias chances de gols desperdiçadas, terminando mesmo no 1 a 1.

Juventus: Wagner; Caju, João Carlos, Jesum e Jonatas (Giliardi a0s 35 do 2º); Sérgio Luiz (Fábio no intervalo), Batata e Aldair; Pito (Rodrigo aos 10 do 2º) Maicon e Tatto. Técnico Gelson Conte.

Milan: Manga; Vaguinho (Heuber 30 do 2º), Tino, Reinaldo Dutra e Alex Lima (Miralha aos 13 do 2º) Fabrício, Fernando e Renato Maravilha; Bolacha, Rodrigo Lutke (Weslei Melão aos 15 do 2º) e Roni. Técnico Valduino.

Amarelos: 1º tempo: Alex Lima so 30 do 1º, quando derrubou um atacante do Juventus na área, pênalti e recebe amarelo; Jesum aos 33.

2º tempo: Reinaldo Dutra aos 12, Tino aos 13, Vaguinho aos 37 Giliardi aos 36.

Expulsão: Jesum, depois de terminado o jogo por reclamação.

Arbitragem: Márcio Schiavo auxiliado por Gederson Foletto e Cristiano dos Santos todos de Ijuí.

Próximo jogo do Juventus, em casa, contra o União Frederiquense, onde a vitória é o que interessa, caso contrário fica difícil a classificação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário