domingo, 5 de janeiro de 2014

Fatos & Fotos



EDEMAR LIMA


No meu tempo de piá, em determinado período do ano, os militares tinha expediente somente pela manhã.
Beneficiado pela folga um militar, creio que subtenente, EDEMAR LIMA que morava na Vila Militar dos Sargentos, acompanhado de seu filho, Edemarzinho, com uma bola debaixo do braço, dirigia-se até a Baixada para exercitar-se e ensinar seu filho, nos primeiros passos do aprendizado do futebol.
Eu guri novo, atendo as atividades ligadas a esse esporte, observava, de longe, a caminhada diária.
Muitas vezes o vi sentado na bola a dar instruções ou orientações ao novo atleta.
Com o passar do tempo, o conheci e soube que além do futebol, como só acontecer com militares que tem inclinação pelo esporte, serem multi-atletas. Seu preferido, era o futebol onde jogou pelo DUQUE DE CAXIAS, time de militares que atuava somente partidas amistosas e talvez, pelo IPIRANGA.
Praticava ainda, vôlei e basquete no Quartel e no Grêmio Esportivo Machado de Assis.
A respeito de sua atuação no futebol, conta WILSON CODINOTTI:
 - No Duque, excursionavam à Argentina, principalmente a Oberá, em 9 de Julho, data da Independência daquele país.
Recorda ,que numa dessas viagens, jogou de centroavante e pela ponta esquerda o Subtenente LIMA. Na equipe local, atuava um centro médio que era reserva da seleção argentina.
 No final do jogo, Wilson fez um lançamento para o ponteiro esquerdo LIMA. Este chutou forte, marcando o gol. As redes eram de arame. Pela violência do chute a bola voltou até a área. Receberam medalhas e Wilson o reconhecimento como “condottiere”.




Vôlei no GEMA: Vêm-se, Luiz Meneghel cortando, bloqueada por LIMA, sob o olhar atento do Professor Lauro Lenz e do Professor Odilon. Ao fundo a Igreja Evangélica Concórdia e encoberto o Cinema Odeon.


VÔLEI DO GEMA – EQUIPE: Lima,Odilon, Ludovico, (?) Orly e Meneghel. Quadra do Machado de Assis.

Por João Jayme Araujo/POA 
jjgaucho23@hotmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário