quarta-feira, 6 de abril de 2011

Vitória

De vilão a herói, atacante Douglas comanda a festa da torcida do Juventus

Pouco mais de 500 torcedores acompanharam a virada histórica do Juventus Atlético Clube jogando em casa, no Estádio Municipal Carlos Denardin em Santa Rosa, na noite de ontem (06/04) às 20h e 30 min.

O Juventus já classificado e o Panambi necessitando demais de uma vitória. Por isso, partiu para cima da equipe santa-rosense e aos 17 minutos o zagueiro Valdomiro abre o placar com um chute desviado no zagueiro encontrando o gol. Denis que a pouco havia entrado, no lugar de Edno que saiu lesionado aos 25, marcou o 2º gol em contra ataque. Ainda no final da primeira etapa de jogo, um jogador do Juventus sofre pênalti e tem a chance de abrir o placar. Douglas se prepara para a cobrança, mas com um chute fraco e rasteiro no canto esquerdo, dá condições de defesa ao goleiro do Panambi. A torcida vai a loucura. Uma chance clara de gol e desperdiçada em um momento em que o time poderia voltar ao segundo tempo com chances reais de empatar a partida. Chingamentos e vaias por todos os lados e o juiz encerra o primeiro tempo com o Panambi na frente do placar.

Parecia estar perdido o jogo mas, na volta aos gramados, para a surpresa e alegria do torcedor, o time do Juventus reage e abre o placar logo no início do segundo tempo. O atacante Douglas, camisa 11, imitando o corte de cabelo do atacante do Santos Neymar, o mesmo que errou o pênalti, com um belo toque na área finaliza e comemora o gol com a equipe e comissão técnica. Em seguida, novamente ele, Douglas, recebe a bola e num bate e rebate amplia e empata a partida, deixando tudo igual no Estádio Denardin.

Nesta hora, o torcedor e só alegria. O empate já era considerado um ótimo resultado, mas para completar a noite e a felicidade da torcida, pouca, mas presente no estádio, num cruzamento na área, de cabeça, de novo Douglas, bem posicionado, sobre e fecha o placar, 3 x 2 para o Juventus em uma virada histórica jogando em casa. De vilão, por perder o pênalti no primeiro tempo, a herói, por fazer três belíssimos gols em uma única partida, Douglas é o destaque da partida.

Festa no Estádio Municipal. Torcida reconhece o esforço e aplaude de pé o time. E recebe um agrado. O camisa 11, Douglas, atira a camiseta do jogo aos torcedores.

Juventus: Vagner; Caju, Carlão, João Carlos e Tatto; Batata, Donovan e Giliardi (Fabinho aos 35 do 2º); Pito (Jonata aos 15 do 1º e Evandro aos 17 do 2º) Rodrigo e Douglas. Técnico Gelson Conti.

Panambi: Daniel; Eduardo, Valdomiro, Faccin e Restinga; Edno ( Denis aos 25 do 2º), André Tereza e Jé (Adislon aos 25 do 2º); Alesom, Baiano (Rocha aos 30 do 2º) e Rafinha. Técnico Eugenio Silva.

Arbitragem: André Schiavo auxiliado por Samir Bertollo dos Santos e Franciel Horn.

Cartões amarelos: Jé aos 38, Alisom aos 44 e Faccin aos 48, (na penalidade que cometeu), todos do Panambi e no 1° tempo. Na 2ª etapa: Andre Tereza aos 34 do Panambi e Donovan aos 39, Douglas, aos 41 (tirou a camisa na comemoração do 3º gol), Sidnei aos 40, (por reclamação no banco) do Juventus.

Cartão Vermelho: ao nº 15 do Panambi, Denis aos 25 do 2º, por falta forte no adversário.

Foram acrescidos 4 minutos no 1º tempo e 3 minutos no 2º, por atendimento a atletas lesionados, reposição de bola e substituições.

Com esta vitória o Juve soma 23 pontos e é mais líder do que nunca. O próximo jogo do Juventus será no domingo, novamente em casa, contra o TAC.

Texto: Noroeste Noticias e Daniela Balkau Jornalista

ASSISTA OS GOLS DE JUVENTUS 3 X 2 PANAMBI


Nenhum comentário:

Postar um comentário